4 ideias para decorar com cortinas

4 ideias para decorar com cortinas

Olá amores,

Que tal começar a semana com 4 ideias que podem mudar totalmente o visual da sua cortina? As cortinas são uma parte super importante da decoração pois protegem a entrada de luz muito forte, por isso podemos usar acessórios legais para segurar as cortinas quando queremos uma maior entrada de luz. Você pode também apostar em cores ousadas que trazem personalidade e novos ares para o seu ambiente.

Read more

O poder da cortina na decoração

Uma bela cortina pode mudar completamente o ambiente. Se você tem móveis que precisam de troca, sofá arranhado pelos gatos e tapete que a criançada grudou doce, acredite em mim, não está tudo perdido! Comece a renovar a decoração a partir da cortina. Se souber fazer a escolha certa, vai notar a diferença na hora. Pensando nisso resolvi escrever este post, com dicas de como escolher a opção perfeita para o que está procurando.

 Antigamente só se via cortina para trilho, elas são lindas, dão um clima mais luxuoso, mas em compensação são barulhentas e exigem muita paciência na hora de fixá-las, desta forma as cortinas para varão se popularizaram. Além de mais baratas são fáceis de colocar. Na hora de comprar, saiba as medidas exatas da sua janela, dando uma sobra de no mínimo um metro, assim ficarão mais volumosas.

 • Para ambientes mais sofisticados: CORTINAS LONGAS

Pendure o varão ou o trilho bem a cima da janela e tire a medida exata até o chão. Notará como o cômodo fica chique, ainda mais se o modelo for de sobreposições, com uma forração mais pesada, que pode ser tergal ou blackout, para bloquear o sol, e por cima um tecido mais leve. Como esta da La Vive, que está com desconto na Casa da Sogra Enxovais:

 • Para o quarto das crianças: CORTINAS CURTAS

Os filhotes adoram brincar no chão, então cortinas longas podem incomodar ou estimular os arteiros a brincar de Tarzan. A minha dica é buscar uma cortina que cubra apenas a medida da janela. Como esta:

Existem também modelos de personagens tanto para os meninos, quanto para as meninas, eles vão adorar!

 • Para cozinha: CORTINAS DE POLIÉSTER

Em boa parte das plantas de casas e apartamentos, a janela da cozinha fica em cima da pia, e nem sempre queremos lavar a louça nos bronzeando, e é aí que a cortina entra. Eu, particularmente, acho muito charmosas aquelas cortinas com temas florais, galinhas ou vaquinhas, combinam muito, e são descontraídas. Procure materiais sintéticos para ajudar na hora de limpar, já que elas podem ficar sujas de gordura.

• Para pequenos ambientes: PERSIANAS

Na falta de espaço, opte por persianas, que são mais compactas e é só puxar a corda lateral e ela praticamente desaparece na base, além de ter a possibilidade do efeito meia luz. São perfeitas para escritórios e para quem tem alergia, por serem mais fáceis de limpar.

 Simples assim:

• Se sua vista não for das mais bonitas, compense na cortina com cores quentes, vivas e alegres, isso vai equilibrar.

• Estampas só para ambientes grandes, do contrário pode poluir causando desconforto.

• Teto alto, cortina longa e que não passe muito da largura da janela.

• Teto baixo, cortina horizontalmente mais longa, ampliando o espaço.

• Combine o estilo da cortina com sua decoração, por exemplo: estampas florais não combinam com ambientes modernos, e por aí vai.

• Se bate muito sol em algum horário, escolha cortinas mais grossas, elas protegerão seus móveis dos raios do sol.

 

Tecidos:

• Voal: Fino, transparência delicada, normalmente usada para sobrepor algum tecido pesado de forro. Pode ser liso, vazado, de renda, rúsutico, estampado ou até mesmo bordado.

• Shantung: Seda tecida a mão que lembra o voal, mas não é tão transparente e é mais encorpado.

• Linho: Tecido nobre e encorpado originado das fibras flexíveis de uma planta herbácea.

• Seda: Toque macio e delicado, tecido nobre de ótima condutividade térmica, ou seja no calor absorve as temperaturas mais frescas da noite e no frio, mantém o calor do sol do dia.

• Sarja: É um padrão de tecelagem, o entrelaçamento mais justo deixa o tecido firme e pesado, usado mais comumente como forro, e se sozinho, em ambientes informais.

• Richalieu: Muito delicado, feito de rendas com bordados vazados, super fácil de lavar, ideal para cozinhas, quarto de bebês ou pessoas alérgicas.

• Blackout: Tecido de poliéster, bloqueia totalmente a passagem de luz, muito popular,  normalmente em salas para home theater e quartos. Hoje em dia já existem modelos com variedade de cor e até estampas.